10 filmes despretensiosos que surpreenderam e nos divertiram em 2018

Nem só de grandes planos sequências e roteiros surpreendentes vive o homem. E quem é que não gosta de um delicioso romance, talvez clichê, mas cativante? Ou até mesmo uma comédia despretensiosa que faz a gente rir até da piada mais boba? Pois são esses filmes que entram na categoria “farofa”, ou simplesmente são bons, mas não o suficiente para concorrerem em grandes premiações e conquistarem a unanimidade dos críticos.

A lista abaixo traz filmes que tinham tudo para dar errado e deram certo, ou que simplesmente estrearam de forma discreta e renderam boas risadas nas sessões. São ótimos longas para assistir com a família e amigos naquele domingo chuvoso.

10. A Barraca do Beijo

Lançado pela Netflix, “A Barraca do Beijo” apresenta a carismática Joey King no papel de Elle, uma jovem que é apaixonada pelo irmão de seu melhor amigo, mas por conta de um trato entre eles, ela não pode investir nessa relação. O roteiro é cheio de clichês, mas todos são bem aplicados e acabam nos divertindo do início ao fim.

Trailer:

9. Todas As Canções de Amor

Apresentando dois casais de épocas distintas, um vivido por Marina Ruy Barbosa e Bruno Gagliasso e o outro por Luiza Mariani e Júlio Andrade. Além do elenco estar muito bem entrosado, o romance ainda traz uma atmosfera envolvente e apaixonante. É uma opção perfeita para assistir com o/a companheiro(a).

O filme conta a história de dois casais que tem suas histórias divididas pelo tempo e unidas por um apartamento e uma fita cassete, com músicas que marcaram o relacionamento de Clarice (Luiza Mariani) e Daniel (Julio Andrade), e irão influenciar o de Ana (Marina Ruy Barbosa) e Chico (Bruno Gagliasso).

Trailer:

8. O Plano Imperfeito

O filme é extremamente divertido e tem um clima que lembra “O Diabo Veste Prada”. Na trama acompanhamos dois funcionários que são extremamente sobrecarregados por conta de seus chefes exigentes e, por trabalharem no mesmo prédio, Harper (Zoey Deutch) e Charlie (Glen Powell) acabam se conhecendo e decidem unir seus patrões para que os dois embarquem em um relacionamento e tornem-se pessoas mais “amáveis” no dia a dia. É aquele filme pipoca, bem dirigido e que rende boas risadas.

Trailer:

7. Meu Ex É Um Espião

Essa é mais uma comédia divertidíssima e que não poderia ser esquecida. No longa temos Mila Kunis Kate McKinnon com uma química incrível, fugindo e enfrentando diversos criminosos pela Europa. O longa tem doses de humor e ação e tudo funciona muito bem.

No filme, Audrey (Mila Kunis) e Morgan (Kate McKinnon) são duas melhores amigas de trinta anos que vivem em Los Angeles e são empurradas inesperadamente para uma conspiração internacional quando o ex-namorado de Audrey aparece em seu apartamento com uma equipe de assassinos. Surpreendendo a si próprias, a dupla entra em ação e percorre toda a Europa fugindo de assassinos e um agente britânico suspeito, mas charmoso, enquanto traçam um plano para salvar o mundo

Trailer:

6. Com Amor, Simon

Baseado no livro de mesmo nome escrito por Becky Albertalli, “Com Amor, Simon” discorre sobre a aceitação durante a adolescência. O longa tem uma linguagem simples, um visual bonito e uma mensagem importante que funciona tanto para os jovens como para os seus pais.

Na história, Simon (Nick Robinson) começa a trocar mensagens com um sujeito misterioso chamado “Blue”, com quem ele tem várias coisas incomum, inclusive a orientação sexual reprimida. Mais tarde, essas mensagens caem em mãos erradas e Simon acaba sendo vítima das chantagens de Martin (Logan Miller) no intuito de evitar que o segredo se espalhe.

Trailer:

5. Jumanji: Bem-vindo à Selva

Lançado em 1995, “Jumanji” marcou toda uma geração e ainda carregava em seu elenco o icônico Robin Williams. 23 anos depois, quem poderia imaginar que uma “sequência” desse filme com um novo elenco daria tão certo? Pois bem, o carisma de The Rock junto de Karen GillanKevin Hart fizeram dessa história uma deliciosa aventura, com doses de nostalgia, mas também com uma excelente contextualização para os tempos modernos. Agregando ainda mais, temos Jack Black completando o time de protagonistas.

O filme acompanha quatro adolescentes que encontram um videogame antigo e resolvem testá-lo. Ao escolherem seus avatares e darem início no jogo, o grupo é teletransportado para dentro da aventura, dando vida aos personagens que escolheram e tendo que enfrentar diversos desafios para voltarem pra casa.

Trailer:

4. Oito Mulheres e Um Segredo

Com um elenco sensacional e que dispensa comentários, “8 Mulheres e Um Segredo” sofreu severas críticas por seu roteiro taxado como “previsível”, porém, a verdade é que essa obra abandona um pouco da franquia “Onze Homens e um Segredo” e segue um caminho ainda mais cômico e mirabolante. O filme consegue funcionar muito bem apenas pela química das atrizes.

Após passar mais de 5 anos na cadeia, Debbie Ocean (Sandra Bullock) planejou o maior roubo de sua vida. Ela sabe o que será preciso – uma equipe formada pelas maiores especialistas do ramo, começando por sua parceira no crime Lou Miller (Cate Blanchett). Juntas, elas recrutam: a joalheira Amita (Kaling); a golpista Constance (Awkwafina); a receptadora Tammy (Paulson); a hacker Nine Ball (Rihanna); e a estilista de moda Rose (Bonham Carter). O alvo: diamantes que valem nada menos do que 150 milhões de dólares e que estarão pendurados no pescoço da famosa atriz internacional Daphne Kluger (Hathaway), que será o centro das atenções no evento do ano, o Baile de Gala do Met. O plano é sólido, mas tudo precisa correr perfeitamente bem para que a equipe consiga entrar no evento e sair de lá com o prêmio.

Trailer:

3. A Noite do Jogo

“A Noite do Jogo” trouxe ninguém menos que Rachel McAdamsJason BatemanKyle Chandler no elenco principal. Além dos atores incríveis e com uma ótima sintonia, a produção faz uma mistura divertidíssima de ação e comédia que prende a nossa atenção do inicio ao fim.

Bateman e McAdams estrelam como Max e Annie, cujas noites de jogos entre casais ficam um pouco mais interessantes quando o carismático irmão de Max, Brooks (Chandler), organiza uma festa de assassinato e mistério, com direito a bandidos e agentes federais falsos. Então, quando Brooks é sequestrado, a dúvida é “será que tudo faz parte do jogo?”. No decorrer de uma noite caótica, os amigos ficam cada vez mais envolvidos, à medida que cada reviravolta leva a um rumo inesperado. Sem regras, pontos e sem saber quem são todos os jogadores, esta pode se tornar a competição mais divertida de suas vidas… ou o fim do jogo.

Trailer:

2. Para Todos Os Garotos Que Já Amei

Essa produção original da Netflix por pouco não entrou na lista de melhores filmes do ano, pois é uma das grandes produções de 2018. O filme entrega muito do que esperamos de um romance adolescente, porém o seu roteiro lapidado e bem dirigido eleva o longa ao patamar de grandes clássicos do gênero como “10 Coisas Que Eu Odeio Em Você”. Além disso, temos a oportunidade de conhecer Lana Condor, uma atriz extremamente talentosa e que deverá brilhar nos próximos anos.

O longa acompanha a história de Lara Jean (Lana Condor), uma adolescente que costuma escrever uma carta para todos os seus interesses amorosos desde quando ela era mais nova. No entanto, a jovem nunca entrega esses recados, ao invés disso, ela os guarda em uma caixa no seu quarto. Certo dia, esse conteúdo é entregue aos destinatários sem o consentimento de Lara e com isso a sua vida começa a tomar rumos inesperados.

Trailer:

1. Bumblebee

“Bumblebee” é mais um filme dessa lista que também poderia configurar no ranking de melhores do ano. E quem diria que um filme da franquia Transformers chegaria tão longe mesmo depois de diversas sequências desgastadas? Pois “Bumblebee” conseguiu essa conquista, narrando uma jornada de amadurecimento e autoconhecimento entre dois personagens que tornam-se grandes amigos. O filme é repleto de grandiosas cenas que por diversos momentos nos lembram da era de ouro de Steven SpielbergJohn Hughes.

A história se passa no ano de 1987 com Bumblebee em fuga. Ele encontra refúgio em um ferro velho na Califórnia. Charlie (Hailee Steinfeld), prestes a completar 18 anos e tentando encontrar seu lugar no mundo, descobre Bumblebee, quebrado e receoso. Quando Charlie o revive, ela rapidamente aprende que esse não é um carro comum.

Trailer:

SHARE
Guilherme Soares
Criador e editor da Cine Mundo, diretor, roteirista e crítico de cinema. Viciado em séries, com um carinho especial pela eterna Six Feet Under e Buffy The Vampire Slayer.