[Review] American Horror Story Coven (3º Temporada)

Assim como Asylum abordou um manicômio e a sanidade mental, Murder House uma casa assombrada e a infidelidade, nessa terceira temporada da serie temos como tema principal as bruxas e como drama secundário as relações entre mães e filhos, alem disso temos novos membro no elenco da serie como Angela Bassett, Kathy Bates, Emma Roberts e Gabourey Sidibe mais conhecida como Preciosa.
A Serie começou prometendo algo muito macabro e não foi o que vimos… logo no primeiro episódio acompanhamos Zoe (Taissa Farmiga) descobrindo que era uma bruxa e rapidamente é encaminhada a uma espécie de escola que chamamos de Coven, o que da nome a serie, o objetivo do Coven é aprender a controlar seus poderes e o mais importante se proteger, afinal sua raça esta em extinção. Nesse momento achamos o aparente núcleo da serie que seria a luta pelos direitos das bruxas e o fim das caças as mesmas. Em seguida percebemos o que seria o suspense secundário “quem será a próxima suprema?” (suprema é a bruxa mais poderosa do Coven, ela domina os sete poderes mais difíceis conhecidos como 7 maravilhas) o que tudo indicava esse seria a pergunta pertinente ate os últimos episódios e seria o acréscimo ao desfecho principal. No episódio 4 percebemos um outro enredo nascendo uma possível guerra entre as bruxas de Salem e a tribo vodu comandada pela imortal rainha do vodu Marie Laveau (Angela Bassett), No meio dessa disputa entra a também imortal e racista Madame Delphine LaLaurie (Kathy Bates) conhecida pelo seu passado de crueldade torturando escravos e por esse motivo é odiada por Marie Laveau. Mais adiante uma família de fanáticos religiosos se muda para a casa ao lado do Coven o que aumentam as ameaças para as bruxas. No episodio 5 começamos a ver a luta entre as bruxas de Salem e a tribo vodu se aflorarem o que nos faz acreditar que esse sera o tema central e não propriamente dito a caça as bruxas, com o termino desse episodio a serie abre um grande leque de assuntos e descarta outros.

O Já Descartado Minotauro (Bastien)
 O famoso Minotauro que foi divulgado em vários promos da serie parecia ser uma criatura que iria permear por toda a temporada como uma espécie de monstro, porem foi descartado logo no inicio o tendo apenas algumas cenas no show.

 
Fiona e o mistério da próxima suprema. (Who is the next supreme?) 

 Fiona (Jessica Lange) é a atual suprema do Coven e se sente ameaçada pela sua sucessora, afinal quanto mais forte e saudável a próxima escolhida fica, mais fraca e doente a atual suprema se torna, nesse momento Fiona já sabe de seu câncer e de seus poucos dias de vida, a sua única forma de sobreviver é descobrindo quem será a sua sucessora e matando a antes que seja tarde, e como uma mulher desequilibrada que ela é, não medira esforços para se salvar. Enquanto isso as suas possíveis sucessoras Zoe (Taissa Farmiga), Queenie (Gabourey Sidibe), Misty (Lily Rabe), Nan (Jamie Brewer) e Madison (Emma Roberts) ficam cada vez mais fortes.

Bruxas de Salem VS Tribo Vodu.
 
As bruxas de Salem sempre tiveram suas brigas com a tribo vodu, uma briga que há um tempo gerou um acordo de paz, que no tempo atual foi quebrado pelo ego de Fiona e Marie Laveau, agora ambas travam uma guerra que vai desde provocações até um ataque de mortos vivos controlados por Marie Laveau. Mais tarde Queenie conhecida como boneca vodu humana trai o Coven de Salem e entrega Delphine LaLaurie de bandejas para Laveau em troca de um lar onde ela possa realmente se sentir em casa. 

Os Vizinhos Misteriosos Luke e Joan.

Joan (Patti LuPone) se muda junto de seu filho Luke (Alexander Dreymon) para a casa ao lado do Coven, com punho firme e normas rígidas e religiosas Joan se mostra uma possível ameça as bruxas uma vez que ela vai contra todos os princípios e praticas de bruxaria, seu filho Luke se vê apaixonado pela bruxa talentosa Nan, que juntos começam a desenvolver um belo romance com fim trágico.

 
 
Kyle, Zoe e Madison: O Triângulo Amoroso de Coven.
Kyle (Evan Peters) inicia a serie como o clássico garoto de fraternidade que em uma festa flerta com Zoe enquanto seus amigos estupram Madison, Zoe procura Madison junto de Kyle e para sorte de Madison Kyle consegue encontra-la e salvá-la de seus colegas, porem em meio a uma briga todos os rapazes entram no ônibus e fogem antes que a situação piore para eles, Madison dolorida e revoltada usa sua habilidade de telecinese que com um leve movimento das mãos ela arremessa o ônibus estrada a fora ocasionando a morte dos rapazes e do inocente Kyle. Mais tarde com pena de sua colega Zoe ela propõe de tentar ressuscita-lo, Zoe mesmo assustada topa e no necrotério as garotas encontram os pedaços de todos os garotos do ônibus e resolvem montar uma espécie de Homem perfeito com as melhores partes de cada rapaz. Tudo funciona, mas Kyle volta de uma certa forma “retardado”, sem conseguir falar e se movimentar direito transformando o personagem em uma espécie de cachorrinho ou melhor ate o episódio 9 onde ele começa a falar e se movimentar sozinho, de qualquer forma Madison passou a gostar dele enquanto Kyle só tem olhos para Zoe o que leva a uma briguinha entre os episódios finais. A questão é que Kyle fica sem importância na serie e acaba ficando quase como um figurante.

Os Caçadores de Bruxas.
Os caçadores de bruxas prometiam ser o enredo central da serie, mas com tantas historias paralelas acabaram por serem ofuscados e não tendo uma atenção merecida, com tudo eles voltaram a receber atenção na reta final com algumas explicações chocantes sobre a organização de caça as bruxas que nos deixaram de boca aberta e no final tiveram uma conclusão tão simples que pareceu algo banal.

Season Finale “The Seven Wonders” O fim do mistério da nova suprema.
Entre sacadas geniais e personagens desperdiçados, chegamos ao tão esperado final que nos promete responder a pergunta mais pertinente da serie “Quem é a próxima suprema?”, em meio a crise causada pela atual suprema Fiona Goode as garotas se sucumbem a realizar o perigoso teste das sete maravilhas afim de descobrir quem realmente é a nova suprema. O Episodio começa com uma especie de clipe da Stevie Nicks que faz a sua segunda participação na serie, essa abertura mostra as meninas se preparando para o teste que para muitas sera seu ultimo dia viva a musica somada as cenas e a assustadora abertura da serie cria um clima triste de final da serie e nos enche de emoção para curtir os últimos 40 minutos de Coven. Os testes começam e diferente do que muitos imaginavam, eles consistem em exercícios simples como mover objetos, acender velas e descobrir objetos escondidos porem um pequeno erro ou falta de domínio sobre o poder pode ser fetal e dessa forma perdemos a nossa querida Misty Day (LIly Rabe) que de uma forma psicológica tem a pior morte da serie, ficando presa no inferno. Por fim nenhuma das meninas prova por completo os testes deixando o Coven atordoado, eis que surge a oprimida Cordelia (Sarah Paulson) que mesmo sem acreditar em si mesma resolve realizar os testes e por fim descobre que ela realmente era a próxima suprema que com sua liderança divulga a existência das bruxas e do Coven para todo o mundo em uma entrevista que nos faz lembrar de Lana Banana em Asylum. Para fechar o episodio Myrtle Snow (Frances Conroy) pede para ser queimada pelos seus crimes, e de uma forma justa e elegante nos despedimos da sabia Myrtle, em seguida temos o desfecho final a despedida de Fiona, que confessa ter forjado sua morte para mais tarde surpreender o Coven e matar a sua sucessora, o que não acontece, Fiona se entrega a morte apos pedir perdão para sua filha, ela morre nos braços de Cordelia tendo um final digno, mais tarde vimos Fiona em seu inferno que é viver a eternidade ao lado do Axeman (Danny Huston).
 No geral essa temporada foi excelente, tão boa quanto as suas anteriores, teve furos, mas também teve pontos fortes e graças a sua audiência que superou as anteriores American Horror Story já foi confirmada para a sua 4º temporada que ainda não teve seu tema divulgado.

 

SHARE
Guilherme Soares
Criador e editor da Cine Mundo, diretor, roteirista e crítico de cinema. Viciado em séries, com um carinho especial pela eterna Six Feet Under e Buffy The Vampire Slayer.