[Review] Jane The Virgin – Segunda Temporada

11899867_1634517130130775_2420545997953827807_n

Jane The Virgin chegou com uma proposta totalmente inovadora, que buscava uma mistura equilibrada de drama e comédia só antes vista nas telenovelas, mas acontece que a Jane Villanueva de Gina Rodriguez teve a dose certa de realismo capaz de provocar uma forte empatia no espectador. A história da jovem latina, virgem, que fica grávida ao ser inseminada artificialmente por um erro médico rapidamente conquistou a todos.

A primeira temporada foi repleta de drama, iniciada com a gravidez não planejada de Jane, seguida de problemas com seu então noivo Michael e do ressurgimento de Rafael Solano, pai do bebê, em sua vida. Como se não bastasse a jovem acabou descobrindo a identidade de seu pai, tudo isso enquanto lidava com os contratempos da gravidez e com seu coração divido entre seus dois amores. Depois de tanta confusão e de tantos mal entendidos, a temporada chegou ao fim com o nascimento de Mateo, mas como nada nessa série é simples o bebê é raptado nos últimos minutos e entregue a vilã Sin Rostro.

11-jane-the-virgin.w1200.h630

O desfecho da primeira temporada deixou todos ansioso e curiosos para saber como Jane recuperaria Mateo, após a eletrizante recapitulação do narrador latino Anthony Mendez, o primeiro episódio da segunda temporada foca no resgate do bebê, que logo volta aos cuidados da mãe, graças ao aplicado Michael. O retorno de Mateo é o que dá o tom da temporada, que segue centralizado ao ingresso de Jane à maternidade.

Jane The Virgin -- "Chapter Twenty-Seven" -- Image Number: JAV205b_0321.jpg -- Pictured (L-R): Brett Dier as Michael, Justin Baldoni as Rafael and Gina Rodriguez as Jane -- Photo: Greg Gayne/The CW -- © 2015 The CW Network, LLC. All rights reserved.

 

As dúvidas e inseguranças da protagonista em tarefas básicas e naturais dão ainda mais credibilidade a personagem. A segunda temporada assim como a primeira, acerta em trazer os clichês característicos das telenovelas latinas a fim de dar a pitada de humor necessária a série. Entre os destaques desse segundo ano estão a auto-inseminação de Petra com o sêmen de Rafael, isso mesmo, o pai do Mateo, que fará dela a nova grávida da série e que pode, contrariando as expectativas, aproximá-la de Jane, a descoberta da grande mente criminosa por traz de Sin Rostro, que pasmem é a mãe de um importante personagem, o rapto de Rogelio, famoso astro das telenovelas e pai de Jane, as participações especiais de Britney Spears, Kesha e Bruno Mars, um aguardado casamento e um fim pra lá de trágico.

09JANETHEVIRGIN-master768

O mais interessante em Jane The Virgin é a capacidade do roteiro e dos atores de tornar reais e cotidianas situações praticamente impossíveis. A série foca na relação familiar e nos seus autos e baixos, além de trazer diferentes conceitos de família e relações. O fator surpresa está presente em todos os episódios, então esteja preparado.

jane-virgin

 

O receio quanto a qualidade dessa segunda temporada e até mesmo quanto a durabilidade da série era natural após a excelente primeira temporada, algo que passou rapidamente com uma temporada que trouxe situações ainda mais absurdas, uma Jane ainda mais confusa e uma rede de vilãs ainda maior. Me arrisco a dizer que a season 2 foi ainda melhor, com um final de temporada que me deixou petrificada e ainda mais ansiosa pela terceira temporada.

jane-virgin-season-2-episode-21

REVIEW OVERVIEW
Nota
9.8
SHARE
Juliana Schmidt
Sou do tipo que chora em filmes, séries e livros, por isso mesmo me considero uma apaixonada. Reparo em coisas que pouca gente presta atenção como figurinos, cenários e trilhas sonoras.