Especial de Natal Cine Mundo: Filmes e Séries para entrar no clima da festa

 

Hoje é dia 25, clima natalino, família reunida, e o que melhor do que assistir alguns bons filmes ou séries? Pensando nisso reunimos nossa equipe para criar uma lista de filmes e séries com o clima da festa para que você possa assistir na sala com todo mundo junto sem se preocupar com a classificação indicativa!

 

Esqueceram de Mim (Por Andreza Nunes)

Título Original: Home Alone
Ano: 1990
Sinopse: Uma enorme família deseja passar o Natal em Paris com tantos filhos e em meio a tantas confusões acabam esquecendo o caçula, Kevin (Macaulay Culkin) em casa e o garoto de oito anos precisa lidar com o desafio de se virar sozinho na ausência de sua família, defender a casa de dois insistentes ladrões e passar o Natal solitário.

Acho que a maioria do público já teve a oportunidade de assistir a este filme na sessão da tarde, na TV GLOBO, mas, como estamos falando de filmes que envolvam o contexto natalino indico este pelos seguintes motivos:

• Decoração de Natal é linda pode inspirar muitos de vocês a montarem suas árvores ou enfeitarem suas casas;
• O filme é leve pode ser assistido com toda família;
• Relembrar um pouco do Macaulay Culkin que por hora se diz aposentado das telonas;

 

 

O Grinch (Por Carmeane Pessoa)

Desde que assisti pela primeira vez esse filme, ele se tornou um dos meus filmes natalinos prediletos. O Grinch, lançado em 2000, é um filme baseado no livro de Dr. Seuss que leva o mesmo nome. O longa conta a história de Grinch, uma criatura verde e mesquinha que odeia o espirito natalino e faz várias travessuras para atrapalhar o Natal dos moradores da Cidade dos Quem. Junto com seu comparsa e único amigo (apesar de não considerá-lo como tal) o cachorro Max, Grinch bola um plano para acabar de vez com o Natal.

O primeiro ponto que torna esse filme muito bom e uma ótima opção para adultos e crianças, é que tem Jim Carrey no elenco. Isso é um bom argumento? Para mim sim. Ele conseguiu pegar a essência do personagem e trazer para tela toda a ironia, rimas e trejeitos, dos quais são vistos na animação e livro.

Outro ponto são os diálogos, que casam perfeitamente com as rimas, não deixando o telespectador perdido. Sem falar em toda caracterização dos personagens e cenário, dando aquela sensação de teatro, livro e cinema.
Esse filme sem sombra de dúvida é filme para assistir em uma noite de Natal, seja só ou em família.

 

 

Os Simpsons – Especial de Natal

Como na maioria dos anos, Os Simpsons realizam especiais de Natal. E recomendo assistir o nono episódio da décima temporada, titulada Milagre de Natal (Miracle on Evergreen Terrace). Neste episódio, Bart queima acidentalmente os presentes de Natal da família, mas ele decide enterrá-los no quintal de casa, fazendo com que todos acreditassem que a família foi roubada. No começo todos os cidadãos de Springfield acreditam e ajudam os Simpsons doando muito dinheiro, mas quando descobrem a verdade ficam com muita raiva da família, o que não é nenhuma novidade (rsrs).

Os Simpsons não é uma série que acompanho com fervor, mas ela é uma das mais influentes e indispensáveis da atualidade. Apesar de ser uma animação, seu teor é totalmente escrachada e satírico com conteúdos que sempre citam o que está acontecendo no mundo. E venhamos e convenhamos não tem como não amar Bart, Lisa, Homer, Marge e a pequena Meggie. Ops! Não esquecendo o Ajudante de Papai Noel e Bola de Neve.

 

 

 

Gremlins (Por Guilherme Soares) 

Rand Peltzer (Hoyt Axton) é um pai esforçado que gostaria de dar um presente diferente para o seu filho na noite da natal. Para isso ele viaja até uma cidade vizinha e em uma pequena loja da região ele fica fascinado pela graciosa criatura chamada Mogwai, os donos insistem em não vender o bichinho, mas acabam cedendo deixando claro algumas regras importantes; Não o expor a luz do sol pois pode mata-lo, não deixar que ele entre em contato com água e o mais importante, jamais alimente o Mogwai depois da meia noite, por mais que ele insista. É claro que essas regras são quebradas, e a consequência é um tanto quanto assustadora e incontrolável.

Adoro esse filme pela narrativa instigante e cômica, além das criaturas fofas e amáveis que se tornam monstrinhos bizarros, mas ainda assim cômicos. Lá nos anos 80 tinha quem considerava o filme um terror trash, mas hoje é mais uma comédia que você pode assistir com toda a família.

 

 

Um Herói de Brinquedo (Por Igor Matheus)

Eu não sei vocês, mas quando falam Natal pra mim, isso me lembra nostalgia. E um filme com o tema que eu adoro é Um Herói de Brinquedo (Jingle All the Way) onde Arnold Schwarzenegger é o destaque do filme.

Acho que 95% das pessoas já assistiram esse filme no programa Sessão da Tarde. Esse filme pra mim tem toda a essência do Natal…. Bem o filme conta a história de Howard Langston (Arnold Schwarzenegger), um homem de negócios que chega atrasado na aula de caratê de seu filho Jamie (Jake Lloyd), que recebeu a faixa azul, e acaba perdendo a premiação. Para tentar compensar, ele promete ao menino que lhe dará qualquer coisa que ele peça no Natal. O garoto então pede o “Turbo Man”, o brinquedo sensação do momento e sonho de todas as crianças. Acontece que já é véspera de Natal e o brinquedo não está disponível em nenhuma loja, pois todos os estoques já estão esgotados. Ele então se propõe a cumprir a promessa, não importando o quanto isto lhe custe, mas, além de se meter em uma série de complicações, ainda tem de ser mais esperto que um carteiro Myron Larabee (Sinbad), que tem o mesmo objetivo dele e igualmente obstinado no seu intento. Enquanto isso, com a ausência de Howard em casa durante este período, seu vizinho Ted (Phil Hartman), um viúvo que é pai do melhor amigo de Jamie e aparentemente demonstra ser amigo de Howard, tenta uma aproximação maior com a mulher deste (Rita Wilson), e quando Howard percebe isso, terá que fazer de tudo para recuperar, além da confiança de seu filho, também a confiança de sua mulher.

Este filme nos mostra que Natal não é só presentes (como muitas pessoas pensam por aí), e o nosso verdadeiro herói é o nosso pai e a nossa mãe que mesmo com dificuldade faz de tudo pra dar o melhor para a gente.

Um Herói de Brinquedo é o filme que vou levar para a minha vida pra sempre, e que sempre na época de Natal irei revê-lo. 

 

 

Glee – Especial de Natal (Por Juliana Schmidt)

A série já acabou, mas sempre vale a pena rever os episódios de Natal, principalmente durante essa época do ano. A tradição, iniciada na segunda temporada de Glee, proporcionou momentos memoráveis dos personagens, como Sue Sylvester encarnando o Grinch para acabar com o Natal, uma viagem no tempo com Kurt e Blaine e, até mesmo, Rachel, Santana e Kurt vestidos de elfos do Papai Noel, tudo isso, ao som das músicas natalinas mais marcantes. Perfeito para entrar no clima de Natal.

 

 

Um Conto de Natal do Mickey (Por Otávio Renault)

A clássica história “Um Conto de Natal” de Charles Dickens já foi recontada diversas vezes no teatro, cinema e TV, mas existe uma em particular que é bem interessante e prazerosa.

Em 1983 foi lançado um curta-metragem da Disney chamado “Um Conto de Natal do Mickey”, que traz diversos personagens da produtora.

Na história Ebenezer Scrooge, um avarento, mal-humorado, ganancioso e cruel senhor que odeia amor, amizade solidariedade e o Natal recebe na véspera da celebração a visita de Fantasmas do Passado, Presente e Futuro, numa tentativa de tentar mudar ele e assim salvar sua alma enquanto ainda há tempo.

Durante os 25 minutos da produção vemos Tio Patinhas como Ebenezer Scrooge, Mickey Mouse como Bob Cratchit, Pateta como Jacob Marley, Grilo Falante como Fantasma do Natal Passado, Willie como o Fantasma do Natal Presente, Bafo-de-Onça como o Fantasma do Natal Futuro entre vários outros.

Motivos para assistir:

  • A obra contém belíssimas e importantes mensagens sobre dor, superação, humildade, generosidade, amor, alegria,empatia entre tantos outros valores, e nos mostra que nunca é tarde para se arrepender e mudar se tornando uma pessoa melhor e que independente de nossos caminhos nunca devemos perder as esperanças e o afeto no coração.
  • É uma obra conceituada que conseguiu até uma indicação ao Oscar de Melhor Curta-Metragem em Animação na época de seu lançamento.
  • Nos traz a alegria de matar a noltagia de rever e nos entreter com os clássicos personagens da Disney que andam muito esquecidos nas produções animadas da produtora atualmente.

 

SHARE
Cine Mundo
Textos produzidos ou divulgados pela redação do site.