[Crítica] It A Coisa (1990)

Do mestre do terror Stephen King o que se auto denomina de “A Coisa” ou do inglês ” IT ” baseado no livro de mesmo nome conta a historia de 7 crianças que foram aterrorizadas por um ser maligno que se alimenta do medo e imaginação das crianças, com muitas identidades mas 1 objetivo matar da mais brutal maneira as crianças, sem um pingo de compaixão pelos mesmos.

O forte do filme não é só o terror, mas a forma com que as crianças demonstram uma verdadeira amizade, jurando uns a os outros que se o maléfico ser retornasse, eles enfrentariam de cabeça erguida o filme não deixa claro o por que “A Coisa” odeia tanto as crianças, mas deixa evidente a forma cruel com que mata as crianças.

Grandes artistas fazem parte do filme tais como Tim Curry (Robert Gray/Pennywise/A Coisa) sendo o astro do filme o maléfico Pennywise, e outros nomes como Jonathan Brandis, Richard Thomas, Annette OToole, Tim Reid, entre outros, mas como disse o forte do filme não é so o terror mas sim a amizade e a união para combater o satanico Pennywise.

Nota: 8,5

 

Trailer (1990):

 

Possível Remake:

Cary Fukunaga confirmada como diretora do Remake, que agora conta com uma divisão em 2 filmes ao contrario do antigo que foi uma mini série Cary dividira o cargo de roteirista com Chase Palmer. Entre produtores e co-produtores estão Roy Lee, Dan Lin e Jon Seda.

SHARE
Guilherme Soares
Criador e editor da Cine Mundo, diretor, roteirista e crítico de cinema. Viciado em séries, com um carinho especial pela eterna Six Feet Under e Buffy The Vampire Slayer.