IX Janela Internacional de Cinema do Recife 2016

20161021154332_janela_internacional_de_cinema_do_recife_2016_side

Um dos eventos mais significantes para o cinema nacional teve inicio no dia 28 de outubro e vai até o dia 6 de novembro. A IX Janela Internacional de Cinema do Recife é um festival anual, que traz filmes nacionais e internacionais, onde esse ano conta com mais de 90 filmes, além de competições de longas, debates, lançamentos, dentre outros. Com sessões no Cinema São Luiz e Cinema do Museu, serão exibidos filmes de 21 países, no qual os pernambucanos terão oportunidade de presenciar verdadeiras obras primas do cinema.

img_20161028_191433

 

Neste fim de semana, para iniciar o festival, foi exibido no São Luiz o clássico, Eles Não Usam Black Tie (1981) de Leon Hirszman, que casa muito bem com a situação atual do Brasil, visto que, várias capitais estão ocorrendo manifestações. Em seguida foi exibido Animal Politico, do pernambucano Tião e finalizado o primeiro dia, O Delírio é a Redenção dos Aflitos, do também pernambucano Fellipe Fernandes e Eu, Daniel Blake (2016), do inglês Ken Loach, ganhador da Palma de Ouro.  Já no Cinema do Museu, a sessão de estreia teve o filme clássico cubano, Memórias do Subdesenvolvimento (1968) de Tomás Gutiérrez Alea.

 

eles-nao-usam-black-tie-poster animal-politico   delirio_cartaz_final_web                             eu-daniel-blake   memc3b3rias-do-subdesenvolvimento

Ao longo do festival serão exibidos vários clássicos como, Eles Vivem (1989) de John Carpenter; O Porteiro da Noite (1974) de Liliana Cavani; Sedução e Vingança (1981) de Abel Ferrara; Apocalypse Now (1979) de Francis Ford Coppola, dentre outros, fazem parte da programação.

 

Confira a programação completa no site do Janela de Cinema 2016. Mais noticia sobre o festival, confira nas nossas redes sociais.