Livro “A Bússola de Ouro” vai virar série de TV

A Bússola de Ouro foi adaptado para o cinema em 2007, mas não alcançou o sucesso e a bilheteria desejados, o filme contava a primeira parte da trilogia “As Fonteiras do Universo”, de Philip Pullman, completa pelos livros “A Faca Sutil” e “A Luneta Âmbar” que nunca conseguiram chegar às telonas.

Isso porém está prestes a mudar, de acordo com a Variety, a BBC está disposta a dar uma segunda chance a trilogia com uma mini série em oito episódios para a TV. A Bússola de Ouro acompanha Lyra Belacqua, órfã criada em um mundo paralelo onde as pessoas têm um “daemon”, uma manifestação de sua própria alma em forma animal. Quando seu melhor amigo é raptado, ela embarca em uma jornada para resgatá-lo, se deparando com implicações mais sérias envolvendo magia, ciência e teologia. Pullman demonstrou entusiasmo ao comentar que:

“[…] é uma constante fonte de satisfação ver a história adaptada para diferentes formatos e apresentada em diferentes mídias. Ela foi transformada em uma radionovela, uma peça, um filme, um audiobook, uma graphic novel – e agora ganha essa versão na televisão”.

A notícia parece ter dado tanto animo ao autor que ele anunciou inclusive uma nova trilogia intitulada de “The book of Dust“ (na tradução livre: O Livro do Pó), uma nova parte da história que se passará no mesmo universo de “As Fronteiras do Universo” e que ainda terá Lyra como protagonista da série. Pullman confirmou que não será um prelúdio, nem uma sequência e sim uma nova história:

“Não se passa antes e nem se passa depois, se passa ao seu lado. É uma história diferente com cenários que leitores da série vão reconhecer, personagens que já conhecem também. Além disso, haverão novos personagens, como um garoto comum que, junto de Lyra, se vê em uma aventura assustadora que o leva para um novo mundo“.

O primeiro volume da nova trilogia será lançado em 19 de outubro nos Estados Unidos, a série “As Fronteiras do Universo” será adaptada para a BBC One e terá produção da Bad Wolf e New Line Cinema, mas ainda não tem data de estreia prevista.

SHARE
Juliana Schmidt
Sou do tipo que chora em filmes, séries e livros, por isso mesmo me considero uma apaixonada. Reparo em coisas que pouca gente presta atenção como figurinos, cenários e trilhas sonoras.