Título: A Última Batalha (As Crônicas de Nárnia)
Autor: C.S. Lewis
Editora: WMF Martins Fontes
Ano: 2003
Páginas: 213

A Última Batalha é a mais sensível e delicada história de C. S. Lewis, pois parte justamente de uma crítica a tirania moderna sobre as pessoas e a terra. Esse livro começa apresentando os leitores a Manhoso, um macaco falante, que ao encontrar uma pele de leão boiando no rio arquiteta um plano maquiavélico de vestir seu amigo Confuso, um jumento simples e de pouca personalidade, com a pele e apresentá-lo como Aslam. O macaco passa então a persuadir os animais falantes de que Confuso é Aslam e ele seu porta-voz, muito ambicioso ele usa a fé e o medo de todos que acreditam em Aslam para saciar seus desejos egoístas.

Vendo os horrores que vem acontecendo em Nárnia, que incluem a escravização de muitos narnianos e a alianças com os inimigos calormanos, o jovem rei Tirian, parte com seu leal unicórnio, Precioso, pretendendo provar que o Aslam que todos estão idolatrando é falso e acaba capturado pelos calormanos. Em resposta a suas preces o verdadeiro Aslam traz de volta a Nárnia Eustáquio Mísero e Jill Pole, milhares e milhares de anos se passaram desde a última aventura deles naquelas terras agora tomadas por um completo caos.

Manhoso que se uniu aos calormanos para ter mais riquezas e se tornar rei de Nárnia, se vê ameaçado quando Eustáquio descobre sua farça, porém ele mantém seu plano traiçoeiro mudando a historia a seu favor e dizendo que o jumento era falso, mas que o verdadeiro Aslam encontra-se dentro de um celeiro, o problema é que a ganancia de Manhoso e suas mentiras acabam atraindo para o local uma criatura demoníaca a qual ele passa a creditar a criação de Nárnia, manobra que causará a destruição daquele mundo da forma como o conhecemos.

É impossível para qualquer leitor que chegou até aqui não se emocionar, A Última Batalha é um desfecho repleto de nostalgia que marca a despedida de Nárnia com o retorno de praticamente todos os personagens que povoaram a saga criada por C. S. Lewis, inclusive seus visitantes por todos esses anos (os sete amigos de Nárnia, como ficaram conhecidos). É a despedida da Nárnia como conhecemos, esse processo todo acaba provando ser o início e não o fim, pois uma nova e mais esplendorosa Nárnia é revelada.

REVIEW OVERVIEW
As Crônicas de Nárnia: A Última Batalha
SHARE
Juliana Schmidt
Sou do tipo que chora em filmes, séries e livros, por isso mesmo me considero uma apaixonada. Reparo em coisas que pouca gente presta atenção como figurinos, cenários e trilhas sonoras.