os-humanos-de-matt-haig

Título: Os Humanos
Autor(es): Matt Haig
Assunto: Ficção – Fantástica e Romance

Editora: Jangada
Número de Páginas: 312

Imagine que você vive em outro planeta onde ninguém morre, não existe dor, tudo é lindo, não há ódio, a única religião é a matemática e suas únicas preocupações são o avanço da matemática e a segurança do universo, agora imagine que você foi enviado para a Terra para assumir o posto de um professor matemática da Universidade de Cambridge chamado Andrew Martin, tudo isso porque esse professor fez uma grandiosa descoberta quando comprovou a hipótese de Riemann, que permitiria a Terra dar um grande salto tecnológico, e você foi encarregado de exterminar todos que tem conhecimento dessa descoberta, essa é a história de Os Humanos de Matt Haig.

Com o verdadeiro Andrew Martin eliminado, esse falso Andrew terá que aprender a viver como um humano, mesmo considerando o planeta extremamente atrasado e a aparência e os costumes dos terráqueos altamente bizarros, se misturar a população local será muito mais complicado do que esse visitante estava esperando. De onde Andrew vem a lógica é o que dita suas ações, portanto matar humanos com o objetivo de salvar o universo não é um problema, principalmente porque ele sempre aprendeu que os humanos são violentos e gananciosos, movidos pelo dinheiro.

the-humans-matt-haig-header

O novo Andrew deve agir normalmente e para isso deverá voltar para casa e assim conviver com sua esposa Isobel, o filho deles, Gulliver, e o cachorro Newton. Ao começar a vivenciar o dia a dia do matemático morto, ele começa a perceber a natureza humana não é só violenta e gananciosa, os humanos se preocupam uns com os outros e mesmo sabendo que sua vida é curta não deixam de vivê-la. Andrew começa a enxergar beleza na Terra, descobre a música, a arte e a poesia.

“Você tem o poder de parar o tempo. Consegue isso ao beijar. Ou ouvir música. A propósito, a música é como poder ver coisas que de outro modo não veria. É a coisa mais avançada que vocês têm. É um superpoder”.

Como o Andrew Martin original passava pouco tempo com a família e já não enxergava a beleza na rotina, sua nova versão passa a chamar a atenção de Isobel e Gulliver, e desperta neles um afeto antes inexistente. Essas pequenas coisas distanciam cada vez mais o visitante de seu objetivo e a grande questão que fica evidente é se Andrew será capaz de cumprir sua missão mesmo depois de descobrir o amor e a beleza que existe na Terra.

the-humans

Os Humanos é uma crítica delicada a sociedade atual, demonstra nosso erros e fraquezas, mas também aquilo que temos de bom como os sentimentos e as emoções tudo isso através dos olhos de um ser imparcial. Andrew é um personagem cativante e que diverte por sua ingenuidade, é curioso e sarcástico. O livro é fluído e de fácil leitura, faz refletir sobre o modo como vivemos e mostra o quanto nos esquecemos de aproveitar as coisas simples da vida.

“Nova tecnologia, na Terra, só significa algo de que vai rir daqui a cinco anos. Valorize aquilo de que não vai rir em cinco anos. Como o amor. Ou um bom poema. Ou uma música. Ou o céu”.

 

REVIEW OVERVIEW
Os Humanos
SHARE
Juliana Schmidt
Sou do tipo que chora em filmes, séries e livros, por isso mesmo me considero uma apaixonada. Reparo em coisas que pouca gente presta atenção como figurinos, cenários e trilhas sonoras.