[Top 5] Animes de Terror

Não é só de guerreiros alienígenas de cabelos louros, ninjas possuídos pelo espírito de raposas demoníacas e cavaleiros de armadura que lutam por deuses gregos, que vive o mercado de animação japonesa. Os animes, animações produzidas no Japão, se tornaram populares no Brasil durante os anos 90 graças a exibição de vários títulos na extinta TV Manchete. Muitos de nós, provavelmente você também lendo esse artigo, tivemos o primeiro contato com a cultura japonesa durante nossa juventude. Os incríveis e originais heróis dos animes marcaram nossas vidas e acredito que ainda hoje marcam. Com o advento da tecnologia e internet, nosso leque de opções foi ampliado. Não mais precisamos esperar até que um canal de TV compre os direitos de exibição de uma produção para que possamos assisti-la. Agora podemos baixar episódios ou temporadas completas na rede mundial de computadores ou até mesmo tê-los em streaming pela Netflix.

Essa facilidade de acesso as produções japonesas também nos abriu novas opções de gênero, além do shonen (animes de heróis, em uma classificação grosseira) e do tokusatsu (live-actions com lutas entre monstros e robôs gigantes e pessoas vestidas para combate). O terror foi um desses gêneros que se tornou popular entre os espectadores brasileiros, afinal de contas, terror é uma coisa que os japoneses sabem fazer muito bem. Minha lista essa semana é de 5 animes de terror que valem a pena de assistir. É claro, muitos outros ficaram de fora, pois eu quis evitar animes muito conhecidos, como Death Note, High School of The Dead e Hellsing.

5 – Pet Shop of Horrors

814131013477_anime-pet-shop-of-horrors-sentai-selects-dvd-primary

Esse anime de 1999 é baseado no mangá de Matsuri Akino. A série consiste em apenas 4 episódios ou OVAs, de cerca de 25 minutos cada. O enredo da trama que se passa em Los Angeles, nos apresenta o jovem e explosivo detetive Leon Oroct e o excêntrico Conde D. O Conde D administra um pet shop no bairro de Chinatown em Los Angeles. Os clientes da loja geralmente são pessoas desesperadas e cheias de problemas pessoais, às quais o Conde D sempre oferece “animais raros” capazes de resolver os problemas de cada pessoa. Para adquirir esses animais cada comprador deve assinar um contrato com três 3 cláusulas. A quebra de qualquer uma das cláusulas implica em consequências desastrosas (e dolorosas) para o comprador. Ao investigar estranhos casos de homicídio o detetive Leon percebe que todas as vítimas tinham em comum uma ligação com o pet shop do Conde D. Leon se aproxima do Conde para poder investigar e acaba se tornando amigo do estranho homem. O detetive nem imagina, mas ao descobrir a história do pet shop ele também irá descobrir que as aparências enganam e que existem forças nada amistosas controlando nosso mundo.

Pet Shop of Horrors tem aquele charme de anime dos anos 90 que nem todo mundo sabe apreciar, mas que vale a tentativa. O enredo e o roteiro são bem inteligentes e conseguem desenvolver uma atmosfera de suspense. O anime é bacana pois faz uma crítica ao comportamento das pessoas na sociedade atual. Apesar de o Conde D parecer o vilão do anime, os clientes do pet shop acabam se auto-condenando ao escolherem quebrar as regras do contrato. O terror é sutil e se desenvolve durante o decorrer do episódio, culminando em um clímax poderoso. Pet Shop of Horrors é um anime inteligente que vai te fazer reavaliar suas próprias atitudes.

4 – Another

197ks9d6zx7akjpg

Uma mistura entre anime colegial com o filme Premonição: essa é a melhor maneira de definir esse anime. Another estreou em 2012 e é baseado no livro homônimo de Yukito Akatsuji. O anime conta a história de uma classe 3 do nono ano da escola de Yomiyama, cidade no interior do Japão. Cerca de 26 anos atrás um aluno morreu nesta classe e desencadeou uma maldição que mata alunos e familiares de forma aleatória. Muito foi feito para parar a maldição, mas nada funcionava, até que alguns alunos descobriram uma maneira de suspender o efeito dela. Foram criadas uma série regras e medidas preventivas que foram passadas de turma para turma, durante os anos. Tudo corria bem, até que Kouichi Sakakibara, um estudante transferido de Tóquio, inadvertidamente quebra uma das regras de prevenção e acaba liberando a maldição sobre seus colegas. Agora Kouichi terá que se aliar a misteriosa Mei Misaki para desvendar o segredo da maldição e salvar sua própria vida e as de seus colegas.

Another é um anime bem produzido, com um traço bastante bonito. Apesar de seu enredo inteligente e original, ele peca um pouco no roteiro e no desenvolvimento de alguns personagens. O ponto alto da série fica por conta das mortes, bonitas, criativas e sangrentas. O espectador praticamente fica querendo que os personagens morram o tempo todo. Um ponto que vale a pena comentar é a comparação do anime com os filmes Premonição, contudo Another se diferencia por não haver uma lista com a ordem das mortes, ou seja, qualquer pessoa pode morrer a qualquer momento, o que aumenta o clima de tensão no espectador.

3 – Perfect Blue

perfectblue1

Não há nada pior que um fã obsessivo, a protagonista desse anime que o diga. Mima Kirigoe é uma das vocalistas da banda pop japonesa “CHAM!”, que decide largar os palcos e seu sucesso como cantora para se dedicar a carreira de atriz. A opinião pública se divide quanto a escolha de Mima, enquanto algumas pessoas a apoiam, outros mostram-se céticos em relação ao desempenho da moça. Mas nada se compara a um dos fãs da popstar, que não aceita a saída de Mima da banda e começa a persegui-la e fazer a vida dela um verdadeiro inferno. Esse anime é um filme de 85 minutos com a direção do lendário Satoshi Kon, baseado no romance de Yoshikazu Takeuchi. Essa produção de 1997 inspirou o filme Cisne Negro, do diretor Darren Aronofsky, inclusive com muitas cenas semelhantes.

O enredo pode parecer meio bobo para você, mas não se engane, Perfect Blue é um terror psicológico que vai te surpreender. Satoshi Kon tem a fama de criar tramas que desafiam a mente do espectador, proposta essa que ele cumpre com perfeição. Quanto mais se assiste o filme, menos o espectador consegue discernir entre o que é realidade e o que é fantasia da cabeça de Mima. A atriz interpreta uma jovem moça com problemas psicológicos, suspeita de assassinar pessoas de forma violenta. Coincidentemente pessoas próximas a Mima começam a morrer misteriosamente, o que “buga” a mente do espectador, e em certo ponto não sabemos se Mima está sendo assediada pelo stalker, se o personagem que ela interpreta se confundiu com a personalidade dela, se estamos assistindo a série ao invés da vida real ou se tudo não passa de uma ilusão da mente de uma pessoa com transtornos psicológicos.

2 – Paranoia Agent

maxresdefault

Do mesmo criador de Perfect Blue, Satoshi Kon, temos mais um anime que vai dar um nó na sua cabeça. A história desse anime se passa na cidade japonesa de Musashino, onde um fenômeno vem assustando as pessoas. Um adolescente está atacando pessoas com um taco de beisebol na calada da noite, sem motivo aparente. Após uma profunda investigação os detetives Keiichi Ikari e Mitsuhiro Maniwa descobrem um padrão de comportamento, o criminoso “Garoto do bastão” só ataca pessoas que estão desesperadas por estarem vivendo crises existenciais, geradas por problemas pessoais. Algumas das vítimas até chegam a afirmar que melhoraram depois dos ataques, que o criminoso as ajudou. Após um terrível evento os detetives são expulsos da polícia, e tem que continuar a investigação de forma particular, enquanto isso o efeito do “Garoto do Bastão” nas pessoas torna-se cada vez maior, alcançando um nível impossível de controlar.

Paranoia Agent nos entrega uma série de personagens marcantes e bem construídos, um traço muito bonito, e um roteiro impecável. Com um terror psicológico, esse anime faz uma crítica à sociedade e ao comportamento das pessoas. Cada episódio gira em torno de um personagem, onde podemos conhecê-lo melhor, para perto do final da temporada percebermos que eles se relacionam uns com os outros de alguma forma. O anime, com 13 episódios, não envolve muito sangue e violência, mas compensa no simbolismo que usa para tentar confundir o espectador. Se você curtiu Donnie Darko, A Origem, ou a série Black Mirror, provavelmente vai gostar desse anime.

1 – Monster

18793l

Lançado em 2004, baseado no mangá de Naoki Urasawa, Monster se passa na Alemanha e conta a história do médico Kenzo Tenma, um cirurgião neurologista insatisfeito com seu ambiente de trabalho. Certo dia Tenma toma uma ousada decisão, salvar um garoto vítima de uma bala perdida ao invés do prefeito da cidade. O prefeito acaba morrendo e embora Tenma tenha salvo o garoto, sua carreira é destruída. O cirurgião perde sua posição social, amigos, sua noiva ambiciosa e a promoção que iria ganhar. Humilhado, Tenma vê sua vida virar do avesso, até que as pessoas que se beneficiaram de sua queda começam a morrer misteriosamente. Apesar de ser visto como a principal suspeita, Tenma consegue sua ascensão social mais uma vez. O médico percebe que o menino que ele salvou e sua irmã gêmea sumiram do hospital, mas não dá muita importância para esse fato. Nove anos mais tarde uma série de assassinatos assusta a população. Um serial killer está a solta e de alguma que de forma está relacionado com o agora cirurgião chefe do Hospital Memorial de Eisler.

Monster é um anime com uma atmosfera pesada, que aborda temas igualmente pesados. O terror psicológico é presente em cada um dos 74 episódios. O anime conta com personagens profundos, ótimos diálogos, e antagonista digno dessa primeira posição. Monster é um anime aclamado pela crítica e amado pelo público, por ser tão denso. Essa obra de arte vai te fazer ver o mundo com outros olhos, e as pessoas ao seu redor de uma forma diferente.

SHARE
Geandrews Melo
Um estudante de letras pernambucano de 25 anos, com literatura fantástica correndo nas veias. Apaixonado por séries e que também escreve nas horas vagas.